Nutrição e comunicação à rádio como ferramenta para promoção da saúde

Volume 1, edição anual - 2012

 


Proposição de resumo para a III Jornada de Estudos e III Semana Acadêmica do Curso de Nutrição TITULO: NUTRIÇÃO E COMUNICAÇÃO: A RÁDIO COMO FERRAMENTA PARA PROMOÇÃO DA SAÚDE Autor(es): Gressler, C.C.¹; Jesus, R.²; Prestes, C. A.2 ; Pereira, B. N.2; Frizzo, A. L.2; Brizolla, C.O.2 Instituição: ¹ Nutricionista UFSM/CESNORS; Mestranda em Ciência e Tecnologia dos Alimentos UFSM; ² Curso de Nutrição UFSM/CESNORS Palavras chave: Educação nutricional, saúde, qualidade de vida. RESUMO

Conforme Prado (2009), a educação em saúde utilizando os métodos de educação popular, pode ser uma das armas mais importantes que os profissionais da área dispõem para trabalhar junto à população questões referentes aos problemas de saúde. O objetivo do estudo foi utilizar o rádio como ferramenta para promoção de práticas alimentares saudáveis, com vistas a melhorar a qualidade de vida da população, através de um projeto de extensão junto à comunidade do município de Palmeira das Missões e região. Os programas estão sendo apresentados quinzenalmente pelos acadêmicos do curso de Nutrição CESNORS/UFSM, em uma rádio comunitária do município com duração de 15 minutos cada programa. As atividades iniciaram em Abril de 2012 e se estenderão durante o presente ano. Os assuntos são definidos baseando-se em temas atuais, questionamentos ou sugestões feitas pela população, através do e-mail O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo. . Os textos são elaborados pelos alunos, utilizando de linguagem acessível à população, e recebem a supervisão de professores e da nutricionista do CESNORS/UFSM. O primeiro tema abordado foi “Higienização na cozinha doméstica”. Ressaltou-se que a cozinha é um local onde ocorre grande multiplicação bacteriana em função do ambiente úmido e as sobras de comida. Foram citados os principais pontos de perigo e situações que favorecem a contaminação e proliferação de microorganismos, além de relatar os riscos de Doenças Transmitidas por Alimentos (DTAs) em grupos frágeis da população. O tema foi concluído com dicas para manter a cozinha limpa e evitar a contaminação dos alimentos. Diante disso, destaca-se que a comunicação é uma tática efetiva dentro da educação em saúde, sendo a rádio um importante instrumento estratégico devido a sua grande penetração junto às classes populares e a possibilidade de ser acessível aos profissionais de saúde locais.